top of page

Estratégias para Desfrutar de uma Refeição sem Compulsividade


Quanto a hora de comer significa para você? A hora da refeição tem sido algo relevante, um momento de prazer e bem-estar?


Não raro nos deparamos com um impasse, comer “algo rapidinho” só para camuflar a fome ou parar para almoçar. É natural nos rodearmos de afazeres no celular e deixar de lado o que nossos avós ensinavam “a hora da refeição é hora sagrada”. Quando o relógio ressoava o horário do almoço e todos se reuniam à mesa, e ai de quem falasse uma só palavra.


É visível o quanto fomos de um extremo ao outro. Hoje com a correria dos dias não paramos nem para ir ao banheiro sem o inseparável celular, quem dirá comer sem distrações. Outra distração além das externas, pode ocorrer as distrações internas, as quais nos deparamos pensando no que fazer quando a refeição acabar, daí vão longas linhas de afazeres listados mentalmente, não é mesmo?


Certo, mas que tipo de prejuízos isso pode trazer para minha vida? Bem, o fato de comer com distrações pode acarretar o comer disfuncional, ou seja, o ato de se alimentar rápido demais ou até mesmo comer menos ou mais do que necessário.


Outro fator que pode desencadear esse comer disfuncional é o estresse excessivo, afinal quem nunca comeu demais ou não comeu absolutamente nada por sentir-se “muito estressado”. Falando desse querido visitante que às vezes aparece e não quer ir embora, há duas opções para lidar com ele: 1) tentar remanejá-lo ou 2) aceitá-lo e buscar estratégias para melhorá-lo.


Mas como se faz isso? A primeira pode ser quando, você está numa rotina excessiva de atividades laborais e designa tarefas a outras pessoas, para dividir as ações. Já a segunda, ocorre por exemplo, quando se tem a entrega de um trabalho importante com data marcada, sendo que, esta tarefa só pode ser realizada por você e então, será preciso priorizar essa atividade e todo o resto ficará como secundário, assim você terminará o que é inadiável e não se sobrecarregará de tarefas que não são urgentes.


Seja qual for a medida escolhida para lidar com o estresse, essa atitude poderá contribuir fortemente para proporcionar um momento acerca da refeição sem distrações e sem compulsividade evitando danos à sua saúde.


Esse conteúdo foi útil para você? Comente sua opinião, dúvidas e sugestões para que nós possamos contribuir cada vez mais para o seu processo de autoconhecimento. Estou à sua disposição, um abraço da Carol Psi.

41 visualizações2 comentários

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page